GRUPO ESPÍRITA AGOSTINHO E TEREZA DE JESUS

O Espiritismo é, ao mesmo tempo, uma ciência de observação e uma doutrina filosófica. Como ciência prática, ele consiste nas relações que se estabelecem entre nós e os espíritos; Como filosofia, compreende todas as consequências morais que faz brotar dessas mesmas relações. Podemos defini-lo assim: Espiritismo é uma ciência que trata da natureza, origem e destino dos espíritos, bom como de suas relações com o mundo corporal.

E ainda, o Espiritismo é uma ciência nova que vem revelar aos homens, por meios de provas irrecusáveis, a existência e a natureza do mundo espiritual e as suas relações com o mundo corpóreo. Ele nos mostra, não mais como coisa sobrenatural, porém ao contrário, como uma das forças vivas sem cessar atuantes da natureza, como fonte de uma imensidade de fenômenos até hoje incompreendidos e , por isso, relegados para o domínio do fantástico e do maravilhoso. É a essas relações que o Cristo refere-se em muitas circunstâncias e daí vem que muito do que Ele disse permaneceu obscuro ou falsamente interpretado.

O Espiritismo é a chave com o auxílio da qual tudo se explica de modo fácil.

Allan Kardec


sábado, 1 de julho de 2017

Quem somos ??






O Grupo Espírita tem por finalidade o estudo e a prática da Doutrina Espírita, segundo os ensinos codificados por Allan Kardec.
Contamos com 2 reuniões públicas por semana (2ª e 6ª) com palestra e passes, 
O G.E.A.T.J foi fundado em 27 de julho de 1926 e está situado na Rua Francisco, 31 - Praça Seca - Rio de Janeiro
 Cep: 21320-190
 http://maps.google.com/
  Tel. (21) 33903570 - 9.72243053 - 9.86461530 
 geagostinhoeterezadejesus@gmail.com

Seja bem-vindo ao Grupo Espírita Agostinho Tereza de Jesus !

Programação de Atividades


2ª Feira
Reunião Pública com Palestra e Passes -  (Das 19:45 às 21:15 H.)

3ª Feira
Atendimento Fraterno (aconselhamento e orientação particular) - (Das 19:45 às 21:15 H.)


6ª Feira
Reunião Pública com Palestra e Passes - (Das 19:45 às 21:15 H.)



Reuniões Públicas (Palestra e Passes)

JULHO/ Segundas Feiras - 19:45 às 21:15 H. (Palestra e Passes)

 Dia 03 – CONCLUSÃO IV (O LIVRO DOS ESPÍRITOS)
Dia 10 – CONCLUSÃO V (O LIVRO DOS ESPÍRITOS)
Dia 17 – CONCLUSÃO VI E VII (O LIVRO DOS ESPÍRITOS)
Dia 24 – CENTRO ESPÍRITA – ESCOLA DE ALMAS
Dia 31 – CONCLUSÃO VIII (O LIVRO DOS ESPÍRITOS)



JULHO/ Sextas Feiras - 19:45 às 21:15 H. (Palestra e Passes)

Dia 07 – SIMPLICIDADE E PUREZA DE CORAÇÃO
Dia 14 – PECADO POR PENSAMENTO - ADULTÉRIO
Dia 21 – VERDADEIRA PUREZA. – MÃOS NÃO LAVADAS

Dia 28 – CENTRO ESPÍRITA – ESCOLA DE ALMAS




* Poderá haver modificações no roteiro acima *

PRÓXIMOS EVENTOS








PROGRAMAÇÃO DO BRECHÓ

è DIA 09/07 – Masculino e feminino (roupas e calçados)
                           Adulto – (2 e 3 reais)                           

    è DIA 16/07 - Masculino e feminino (roupas e calçados)                  
Adulto/Infantil (1, 2 e 3 reais)  -  distribuição de livros

è DIA 23/07 – Masculino e feminino (roupas e calçados)
                            Adulto/Infantil (1 real)

è DIA 30/07 – Masculino e feminino (roupas e calçados)
                                                 Adulto/Infantil (a partir de 5 reais)

à DIA 20/08 – SÓ UTILIDADES              à 27/08 – SÓ BRINQUEDOS
                        (valores variados)                                   (valores variados)


NOVO HORÁRIO – DAS 12 ÀS 18 HORAS







geagostinhoeterezadejesus@gmail.com
Receba informações do GEATJ por email    CADASTRE-SE !!!








AMOR AO VOLUNTARIADO



DOE-SE AO VOLUNTARIADO
Faça parte do quadro de trabalhadores do GEATJ. Ajudando nas atividades, e aumentando essa corrente de Amor e Caridade.


CAMPANHAS E DOAÇÕES


Peças de vestuário (adultos / infantis); Utilidades em geral; Materiais para manutenção das instalações; Livros espíritas;   Alimentos     não perecíveis; Óleo usado em frituras; Descartáveis; Material de limpeza; etc.



CAMPANHA DE ASSOCIADOS


Se desejar , faça parte do quadro de associados do geatj, colaborando com a manutenção e conservação das instalações e desenvolvimento de várias atividades. Informe-se na secretária do Grupo.

                      






EM DIA COM O ESPIRITISMO








O CANDIDATO INTELECTUAL

Recebeu-o o Mestre, cordialmente, e, em seguida às interpelações do futuro aprendiz, passou a explicar os objetivos do empreendimento. O Evangelho seria a luz das nações e consolidar-se-ia à custa da renúncia e do devotamento dos discípulos. Ensinaria aos homens a retribuição do mal com o bem, o perdão infinito com a infinita esperança. A Paternidade Celeste resplandeceria para todos. Judeus e gentios converter-se-iam em irmãos, filhos do mesmo Pai. O candidato inteligente, fixando no Senhor os olhos arguciosos, indagou: XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
-Senhor, por que não esclareces? O Cristo afagou-lhe os ombros inquietos e afirmou: -Busca-me quando estiveres disposto a cooperar. E, assim dizendo, abandonou Jerusalém na direção da Galiléia, onde procurou os pescadores rústicos e humildes que, realmente nada sabiam da cultura grega ou do Direito Romano, mantendo-se, contudo, perfeitamente prontos a trabalhar com alegria e servir por amor, sem perguntar.

LIVRO CONTOS E APÓLOGOS



REFLEXÃO






PESSOAS QUERIDAS

Claro que já compreendes que a pessoa querida é um mundo a parte, muitas vezes, com sentimentos e raciocínios muito diversos dos teus. Entendamos a situação de cada individualidade, dentro do contexto de necessidades e provas de que se faça portadora e respeitemo-la na problemática que apresente. Incentivemos os familiares queridos a fazerem o melhor de si mesmos, sem, no entanto, desconsiderar-lhes a vocação para as tarefas mais simples. Atendemos ao imperativo do diálogo construtivo em que as nossas sugestões de melhoria possam ser plenamente enunciadas. Se os nossos roteiros mais nobres não forem atendidos, desde que estejamos tratando com criaturas a quem as leis humanas já conferiram os direitos da maioridade, seria violência de nossa parte encarcerá-las em nossos pontos de vista. Planejamos a ventura conjugal para nossos filhos, enquanto na Terra, entretanto, na hipótese de haverem nascido para uniões de resgate difícil, seria perigoso compeli-los à fuga do caminho a percorrer. Estimaríamos honorificar descendentes amados com os títulos acadêmicos do mais alto porte, todavia muitos terão vindo até nós, quando no Plano Físico, para os mais rudes encargos, cabendo-nos respeitá-los. Se almas queridas jazem caídas no erro, quando terão vindo ao mundo com a promessa de superar induções à queda, não as reprovemos ou condenemos de modo algum e sim saibamos deixar-lhes o caminho livre, tanto quanto possível, para fazerem da vida que lhes é própria o que melhor lhes pareça. Não obrigues ninguém a viver, conforme os teus padrões de comportamento, de vez que não suportarias imposições alheias em teu modo de ser. Em suma: conserva serenidade ante as escolhas do próximo e vive a própria vida, deixando aos outros a liberdade de viver a existência que Deus lhes concedeu.
LIVRO CALMA



LIÇÕES DO SENHOR NO CÍRCULO MAIS ÍNTIMO












Os instrumentos da perfeição

Naquela noite, Simão Pedro trazia à conversação o espírito ralado por extremo
desgosto.
Agastara-se com parentes descriteriosos e rudes.
Velho tio acusara-o de dilapidador dos bens da família e um primo ameaçara
esbofeteá-lo na via pública.
Guardava, por isso, o semblante carregado e austero.
Quando o Mestre leu algumas frases dos Sagrados Escritos, o pescador
desabafou. Descreveu o conflito com a parentela e Jesus o ouviu em silêncio.
Ao término do longo relatório afetivo, indagou o Senhor:
—E que fizeste, Simão, ante as arremetidas dos familiares incompreensivos?
—Sem dúvida, reagi como devia! — respondeu o apóstolo, veemente. —
Coloquei cada um no lugar próprio. Anunciei, sem rebuços, as más qualidades de
que são portadores. Meu tio é raro exemplar de sovinice e meu primo é mentiroso
contumaz. Provei, perante numerosa assistência, que ambos são hipócritas, e não
me arrependi do que fiz.
O Mestre refletiu por minutos longos e falou, compassivo:
—Pedro, que faz um carpinteiro na construção de uma casa?
—Naturalmente, trabalha — redargüiu o interpelado, irritadiço.
—Com quê? — tomou o Amigo Celeste, bem-humorado.
—Usando ferramentas.
Após a resposta breve de Simão, o Cristo continuou:
—As pessoas com as quais nascemos e vivemos na Terra são os primeiros e
mais importantes instrumentos que recebemos do Pai, para a edificação do Reino
do Céu em nós mesmos. Quando falhamos no aproveitamento deles, que
constituem elementos de nossa melhoria, é quase impossível triunfar com recursos
alheios, porque o Pai nos concede os problemas da vida, de acordo com a nossa
capacidade de lhes dar solução. A ave é obrigada a fazer o ninho, mas não se lhe
reclama outro serviço. A ovelha dará lã ao pastor; no entanto, ninguém lhe exige o
agasalho pronto. Ao homem foram concedidas outras tarefas, quais sejam as do
amor e da humildade, na ação inteligente e constante para o bem comum, a fim de
que a paz e a felicidade não sejam mitos na Terra. Os parentes próximos, na
maioria das vezes, são o martelo ou o serrote que podemos utilizar a benefício da
construção do templo vivo e sublime, por intermédio do qual o Céu se manifestará
em nossa alma. Enquanto o marceneiro usa as suas ferramentas, por fora, cabenos
aproveitar as nossas, por dentro. Em todas as ocasiões, o ignorante representa
para nós um campo de benemerência espiritual; o mau é desafio que nos põe a
bondade à prova; o ingrato é um meio de exercitarmos o perdão; o doente é uma
lição à nossa capacidade de socorrer. Aquele que bem se conduz, em nome do Pai,
junto de familiares endurecidos ou indiferentes, prepara-se com rapidez para a
glória do serviço à Humanidade, porque, se a paciência aprimora a vida, o tempo
tudo transforma.
Calou-se Jesus e, talvez porque Pedro tivesse ainda os olhos indagadores,
acrescentou serenamente:
—Se não ajudamos ao necessitado de perto, como auxiliaremos os aflitos, de
longe? se não amamos o irmão que respira conosco os mesmos ares, como nos
consagraremos ao Pai que se encontra no Céu?
Depois destas perguntas, pairou na modesta sala de Cafarnaum expressivo
silêncio que ninguém ousou interromper.
LIVRO JESUS NO LAR

Nossa onda mental

ATENDIMENTO FRATERNO
















        ATENDIMENTO FRATERNO








TODA TERÇA-FEIRA ÀS 19:45 HS.

(necessário agendar)




O Atendimento Fraterno tem como objetivo primacial receber bem e orientar com segurança todos aqueles que o buscam. Apoiando-se nos postulados espíritas, o Atendimento Fraterno abre perspectivas novas e projeta luz. O conhecimento do ser imortal, da sua preexistência ao berço e sobrevivência ao túmulo, torna-se indispensável para qualquer cometimento terapêutico em relação aos problemas humanos. Por isso mesmo, a terapia do amor é de vital importância, envolvendo em confiança e ternura, ao mesmo tempo esclarecendo quanto a realidade e constituição espiritual.


JOANNA DE ÂNGELIS


MEDIUNIDADE NOSSA DE CADA DIA









28. Entre os que se convenceram por um estudo direto,
podem destacar-se:

1º Os que crêem pura e simplesmente nas manifestações.

2º Os que no Espiritismo vêem mais do que fatos;
compreendem-lhe a parte filosófica; admiram a moral
daí decorrente, mas não a praticam.

3º Os que não se contentam com admirar a moral espírita,
que a praticam e lhe aceitam todas as conseqüências.

4º Há, finalmente, os espíritas exaltados. A espécie humana
seria perfeita, se sempre tomasse o lado bom das coisas. Em tudo, o exagero é prejudicial.



O LIVRO DOS MÉDIUNS – CAP. III

INFÂNCIA E JUVENTUDE






Vemos que a natureza não dispensa a disciplina em momento algum.

Se quisermos um jardim ou se esperamos rendimento mais amplo de um pomar, cogitamos de geometria, irrigação, apoio e preparação; em vista disso, acreditamos que a criança não prescinde de educação através de muito amor, aliado à disciplina, reconhecendo-se que no período da infância estamos vindo ou retornando do Mundo Espiritual com as nossas próprias necessidades de aperfeiçoamento.

Este é um ponto de vista do Espiritismo Cristão; na condição de criança, procedemos do Mais Além, com certos obstáculos de ordem espiritual.

Se não encontrarmos criaturas que nos concedam amor e segurança, paz e ordem, será muito difícil o proveito da nova reencarnação que estejamos encetando.

(Do livro "Chico Xavier em Goiânia", pelo Espírito Emmanuel, Francisco Cândido Xavier, edição GEEM)

ESTUDO DO EVANGELHO NO LAR






ROTEIRO:
1 – Escolha um dia da semana e um horário.
2 – Inicie com uma leitura para harmonização do ambiente. Sugestão de livros: Pão nosso, fonte viva, caminho verdade e vida ou vinha de luz.
3 – Faça uma prece de início
4 – Faça leitura (de forma seqüencial) de O Evangelho Segundo o Espiritismo e comente.
5 – Faça uma prece de encerramento.
Observações: Pode levar 30 min. ou mais; Pode ser feito com toda família, em parte, ou sozinho (a); Pode-se colocar água para beber ao final; Precisa ser feito toda semana no mesmo dia e hora.

DEPRESSÃO E A TERAPIA DO EVANGELHO